No Banner to display

Desde que moro em São Paulo, faço parte do MULHERES DO BRASIL que une 19 mil mulheres ao redor do mundo com o objetivo de discutir temas ligados ao país. O grupo liderado por Luiza Helena Trajano – presidente do Conselho do Magazine Luiza, é composto por mulheres de vários segmentos que têm, em comum, o propósito de serem protagonistas na construção de um país melhor.

Eleição 2018 - São Paulo - Debate - presidente da república - flavia chaves - michelle bueno

Tive a honra de ser convidada para participar de um encontro, promovido pelo grupo, com os presidenciáveis no dia 16 de agosto e aceitei na mesma hora por 2 motivos: o primeiro, é que entendo que estar presente frente a frente com as pessoas que pretendem governar nosso país é uma experiência fantástica, já que para fazer a escolha do meu candidato acredito que devo estar por dentro das propostas e pensamentos dessas pessoas e segundo, por que a próxima eleição será a primeira em que 30% do fundo partidário será usado em candidaturas femininas. São 67 candidatas à Vice-Governadoras e 4 à Vice-Presidentes.

No encontro estavam presentes 7 dos 13 candidatos à Presidência da República.

Ouvi atentamente cada uma das propostas dos candidatos que falaram e responderam perguntas sobre o papel da mulher, educação, saúde, igualdade racial, violência, economia e emprego.

Confesso que me assustei com algumas opiniões um tanto radicais. O assombro se deu, deixando claro que não sou especialista em política muito menos defendo partido “A” ou “B”, mas porque acredito que a atual situação do País é bastante crítica e que nada vai ser resolvido com radicalismos. Precisamos entender, que a chave para transformação e recuperação é a união de forças, pensamentos e que opiniões diferentes são saudáveis e precisam ser discutidas visando sempre o bem-estar do coletivo, mas conscientes que nenhum dos candidatos vai agradar sempre a todos os brasileiros. Não se trata de favorecer um grupo específico ou uma classe e sim de entender que é preciso favorecer a nação e não as individualidades. O que o Brasil mais precisa neste momento, que com certeza é o bem mais precioso que o eleito deve oferecer, é a inteligência.

O que me impressionou foi a polidez dos candidatos. Sinceramente, quando recebi o convite, achei que seria uma baixaria sem fim os candidatos juntos com microfones disponíveis. Espero que a educação e o respeito demonstrado prevaleçam durante todo o período eleitoral.

Um dado importante que considero não poder deixar passar é que nós mulheres somos 53% dos eleitores do Brasil e mães dos outros 47%, precisamos urgentemente ter voz ativa e sororidade para transformar o Brasil. Como boa brasileira que sou, estou confiante que vamos entrar em um novo período político e social. Tenho convicção que este é o maior desejo dos brasileiros.

Flavia Chaves. Palestrante, Master Coach e Mentora de Líderes e Empreendedores.

COMENTAR Comentários desativados em Minha opinião por estar ao vivo com os presidenciáveis

Comentários estão fechados!

Link me

Copyright © 2018 Michelle Bueno